Ano IV

Apresentação

A Revista Interlúdio surge no crepúsculo de 2011 como uma revitalização da extinta Paisà (2005-2008), desta vez exclusivamente em formato eletrônico.

Com proposta semelhante à da revista anterior, três editores e alguns colaboradores, a revista propõe a diversidade de foco e um trabalho pautado pela crítica cinematográfica. O leitor que quiser ensaios mais profundos, encontrará aqui. O que preferir uma leitura mais leve, também a terá.

A Revista Interlúdio trabalha com publicações em fluxo contínuo, ou seja, os textos podem entrar a qualquer momento (nas seções "Fotogramas", "Nos Cinemas" e "Festivais"), dependendo da pertinência dos temas e da disponibilidade dos autores. Acreditamos estar, assim, sintonizados aos novos tempos, em que a urgência de alguns assuntos pode encontrar resposta mais rápida dentro de nossa revista, sem abandonar a ideia de reflexões mais pensadas que possam surgir num momento posterior. Algumas seções, como "DVD" e "Dossiê", têm periodicidades mais variáveis.

As atualizações da subseção "Nos cinemas"  não serão vinculadas às estreias dos filmes. A intenção é dialogar com quem já viu o filme criticado, em vez de indicar o que deve ou não deve ser visto. Por isso, tais atualizações podem acontecer em qualquer dia da semana, não somente às sextas-feiras. O quadro de cotações responde pela pluralidade do gosto de nossa equipe, e terá atualização constante (que vai variar de acordo com os lançamentos e dossiês).

Sejam bem-vindos, caros leitores.

Os editores

 

Para entrar em contato com a Revista Interlúdio, escrevam para: contato@revistainterludio.com.br

© 2016 Revista Interlúdio - Todos os direitos reservados - contato@revistainterludio.com.br